Antiguidade tardia

Com o fim do Império romano, a partir da segunda metade do século V, Olisipona assiste a acontecimentos de batalha e saque envolvendo poderes locais, suevos e visigodos.

Na área do NARC, a via terá continuado em utilização e nas suas proximidades, reaproveitando as estruturas industriais abandonadas, foi identificado um sepultamento isolado. O corpo, de um indivíduo do sexo masculino, entre os 30 e os 40 anos de idade, foi colocado numa cavidade aberta na parede de uma cetária, junto à qual foram colocadas algumas telhas. A cabeça, a Norte, encontrava-se coberta por uma laje de calcário. O corpo encontrava-se em decúbito dorsal (deitado sobre as costas), com a face voltada para SO e os braços ligeiramente flectidos sobre o ventre.